sábado, 21 de agosto de 2010

Jorge Ritto-Pedofilo assumido


O que leva um homem a destruir o corpo e os sonhos de uma criança?
Jorge Ritto é expulso da Alemanha,Marrocos e Africa do Sul,sempre pelo mesmo motivo-PEDOFILIA
O seu grande amigo Jaime Gama nunca o deixa cair e vai sempre arranjando maneira de encobrir os escândalos.
Em 1982,3 menores fugidos da Casa Pia são encontrados em casa de Jorge Ritto.
Num caixote a Policia Judiciária encontra fotos pedófilas.
Aberto um inquérito no Tribunal de Cascais,é encerrado meses mais tarde sem investigação,as fotos desaparecem.

A Procuradora que mandou arquivar o processo é muito clara na entrevista que deu ao Correio da Manhã em 29.11.2002:



"Maria do Carmo Peralta foi a magistrada que, em 1987, arquivou o processo contra Jorge Ritto. Na quarta-feira disse ao 'CM' que não se lembrava de ter tomado essa decisão. Mas ontem, após se ter deslocado à PGR, "descobriu" que tinha sido ela quem fez o "despacho de arquivamento"

CM -Por que razão é que, em 1987, arquivou o processo de um alegado caso de pedofilia que envolvia crianças da Casa Pia e o embaixador Jorge Ritto?

MCP -Por falta de provas. Segundo o que apurei, do despacho que fiz, o único arguido no processo, dr. Jorge Ritto, nunca foi ouvido.

CM -Não é estranho?

MCP -Acho que sim."
Ver aqui:http://www.processocarloscruz.com/popup.php?link=82

Teresa Costa Macedo disse que recebeu uma caixa amarela com fotografias, apreendida em casa de Jorge Ritto, onde foram encontrados três menores que tinham desaparecido da instituição em 1982.

A ex-governante contou que só viu a primeira e a segunda fotografia porque ficou "chocada" com o seu conteúdo.

Numa dessas fotografias, Teresa Costa Macedo disse que viu um adulto do sexo masculino em práticas sexuais com uma criança, mas não identificou os protagonistas.

Apercebendo-se de que as restantes fotografias "eram do mesmo género", e confessando-se "chocada com a situação", referiu ter enviado no mesmo dia a caixa para a Polícia Judiciária, que já estava a investigar outras denúncias e queixas apresentadas sobre alegados abusos sexuais.

Jaime Gama questionou "perseguição" a Jorge Ritto

Ainda sobre Jorge Ritto, a ex-secretária de Estado relatou que no início de 1984 — já no Governo do Bloco Central (PS/CDS) — recebeu um telefonema do então ministro dos Negócios Estrangeiros, Jaime Gama, actual presidente da Assembleia da República, que a questionou sobre a razão de estar "a perseguir o diplomata Jorge Ritto".
Terá sido nessa ocasião — em que o Ministério dos Negócios Estrangeiros preparava a candidatura de Teresa Costa Macedo a um cargo directivo na União Internacional dos Organismos da Família — que Jaime Gama terá trocado impressões sobre o que se estava a passar na Casa Pia.

Macedo disse ter ficado com o pressentimento de que Jaime Gama lhe tinha falado de Jorge Ritto porque o diplomata se teria queixado de si numa altura em que decorriam as investigações da PJ sobre os menores encontrados na sua casa de Cascais.

Abusos eram conhecidos por todos

A ex-governante disse também que quando assumiu funções, em 1980, era do conhecimento geral da instituição (provedoria, directores, educadores e outros funcionários) que havia alunos da Casa Pia que se prostituíam no jardins de Belém.

A antiga secretária de Estado disse que quando tomou posse foi confrontada com uma carta enviada para o gabinete do então ministro Morais Leitão a dar conta das situações em que alunos mais velhos abusavam dos mais novos.

Tais factos chegaram a ser relatados à actual testemunha e ao antigo Presidente da República Ramalho Eanes aquando das comemorações dos 200 anos da instituição, quando quatro jovens da Casa Pia comunicaram uma série de abusos, carências e indisciplina.

A antiga governante explicou ainda as razões que levaram à exoneração do então provedor da Casa Pia Peixeiro Simões e à sua substituição por Batista Comprido, alegando que o primeiro "não tinha força e não estava a cumprir as suas orientações".

Papel de Carlos Silvino é conhecido desde a década de 80

Durante o seu depoimento, Teresa Costa Macedo, referiu ainda que no início da década de 80 era do conhecimento geral na instituição que um dos funcionários que aliciava os menores para práticas sexuais era Carlos Silvino ("Bibi"), que é hoje, passados mais de 20 anos, o principal arguido deste julgamento.

Confrontada com o teor das notícias no jornal semanário "Expresso", em Novembro de 2002, quando o escândalo rebentou, Teresa Costa Macedo disse que foram os provedores da instituição, nomeadamente Batista Comprido, que lhe falaram do envolvimento de personalidades da vida pública portuguesa no abuso de menores, mas sem revelar as suas identidades.
Ver aqui:http://www.publico.pt/Sociedade/casa-pia-exsecretaria-de-estado-viu-fotografias-mas-nao-identificou-ninguem_1282131


Em 16/02/2007 Jorge Ritto é detido no âmbito do processo Casa Pia.
Dois crimes de abuso sexual e um de fomento de prostituição (lenocínio) alegadamente praticados pelo diplomata foram dados como provados pelo procurador João Aibéo.
Libertado mais tarde,é apresentado o argumento de não oferecer perigo publico porque a própria população seria a melhor vigilante.
Ver aqui:http://aeiou.expresso.pt/ministerio-publico-imputa-crimes-a-jorge-ritto=f474138

Não estou a rir.
-SE QUEM TEM O PODER SABIA DO DESVIO DE JORGE RITTO DESDE 1982 PORQUE SERÁ QUE NG FÊZ NADA PARA O DETER?
-PORQUE PROTEGE JAIME GAMA ESTE PERSONAGEM?

6 comentários:

Cris disse...

o poder atenua e/ou apaga os desvios de quem o exerce. parabens pelo blog!

Tuguinha disse...

Força... Bom trabalho!!!
Continue!!

Luar disse...

Infelizmente o Processo Casa Pia vai acabar como tantos outros em Portugal, em nada!
Quanto muito vão condenar o Carlos Silvino e nada mais... Todos os outros e tudo o que ainda nós não sabemos, mas que iríamos ter grades surpresas..., esses vão ficar livres para continuar a fazer o que lhes apetece.
Se os Legisladores e Políticos se preocupassem em fazer Leis realmente rígidas contra a Pedofilia, em vez de se preocuparem com o TGV, o Aeroporto, etc, se fossem céleres como foram com a Lei do Tabaco, isso é que era bonito! Mas não lhes interessa, estão-se nas tintas!
quando apanham um pedófilo, dão-lhe umas palmadinhas nas costas, ele confessa, promete não repetir e vem novamente para a rua.....
Tristeza de País este que não tem noção das prioridades!

Pierrot le Fou disse...

A "justiça" não tratou os malfeitores, não resolveu absolutamente nada e os arguidos da Casa Pia ainda fazem teatro na televisão...
Os governos promovem crises para distrair o povo, roubando-lhe a dignidade, direitos sociais,..., desrezando com cinismo, a Justiça e a integridade dos cidadãos.
Continuarei a visitar o seu blog.

Abraço,

Pierrot le fou

Pierrot le Fou disse...

A "justiça" não tratou os malfeitores, não resolveu absolutamente nada e os arguidos da Casa Pia ainda fazem teatro na televisão...
Os governos promovem crises para distrair o povo, roubando-lhe a dignidade, direitos sociais,..., desrezando com cinismo, a Justiça e a integridade dos cidadãos.
Continuarei a visitar o seu blog.

Abraço,

Pierrot le fou

Anônimo disse...

Estes são os senhores católicos de boas famílias com esposas que fazem caridade por boas causas.
Os maridos são os bem sucedidos de bom nome,os filhos talentosos que conseguem bons empregos.
Esta hipócrisia mete nojo numa suciedade que valoriza o dinheiro e o status mesmo que por detrás deste sucesso estejam as maiores atrocidades.
Acreditar na justiça??? não me façam rir.

 

web hit counters
Gemstone Shopping